top of page

Serão os discos SSD seguros?

Article by Nuno Cabral - PCLAB


Serão os discos SSD mais seguros para os nossos dados? Ou devemos continuar a confiar nos discos mecânicos?


Esta tem sido das perguntas mais comuns ultimamente dos nossos clientes.

Disco SSD (vista interna)


Disco SSD (vista interna)


Com a evolução tecnológica, a segurança dos dados tornou-se uma preocupação ainda maior. Cada vez mais, as pessoas precisam armazenar e proteger dados importantes, desde informações financeiras até dados pessoais e empresariais. Dois tipos de dispositivos de armazenamento de dados que se destacam no mercado são os discos rígidos mecânicos e os discos de estado sólido (SSD).


Os discos rígidos mecânicos são a escolha padrão de muitos utilizadores há anos, devido ao seu baixo custo e capacidade de armazenamento. No entanto, com o surgimento dos SSDs, muitas pessoas questionam-se se esses novos dispositivos são mais seguros.



Vantagens

Uma das principais vantagens dos discos SSD é que eles não possuem partes móveis, o que significa haver menos hipótese de falhas físicas. Como resultado, os discos SSD são mais confiáveis e menos propensos a danos causados por quedas ou impactos, logo mais seguros. Além disso, eles também tendem a ter um tempo de acesso mais rápido e um tempo de inicialização mais rápido em comparação aos discos mecânicos.

No entanto, em termos de segurança dos dados, é importante notar que ambos os tipos de discos podem ser vulneráveis a ataques de hackers e malware. No entanto, existem algumas diferenças na segurança entre os dois tipos de dispositivos.


Desvantagens

Os discos rígidos mecânicos são mais vulneráveis a danos físicos e, em caso de falha, os dados armazenados no disco podem ser recuperados por meio de serviços de recuperação de dados. Por outro lado, os discos SSD são mais difíceis de recuperar dados, pois geralmente os dados são apagados de forma instantânea no momento da falha, tornando mais difícil recuperá-los.


Seguros? Cuidado com a degradação!

Embora os SSDs tenham muitas vantagens em relação aos HDs, há um problema grave que é a degradação ao longo do tempo.


Os SSDs degradam-se principalmente devido a um fenómeno chamado “desgaste de células”, que ocorre quando as células de memória do SSD são gravadas e apagadas muitas vezes. As células de memória num SSD são organizadas em blocos, e cada bloco pode ser escrito um número limitado de vezes antes que ele comece a apresentar problemas.


Os SSDs têm um controlador de memória que gerência a gravação e a leitura dos dados e o desgaste de células. Quando o controlador grava dados numa célula de memória, ele precisa apagá-la antes, o que pode ser feito apenas um número limitado de vezes antes que a célula comece a falhar.


Mas é possível recuperar discos SSD? Claro. Aqui está um exemplo de como fazemos:


Portanto, em conclusão, os discos SSDs oferecem algumas vantagens em termos de segurança relativamente aos discos mecânicos, como a maior durabilidade e menor probabilidade de falha física, mas não tão seguros a guardar os nossos dados. Por isso, deve tomar medidas adicionais de segurança, como o uso de ‘softwares’ de antivírus e criptografia de dados, para garantir a proteção dos dados armazenados.

50 views0 comments

Recent Posts

See All

Comentários


bottom of page